Bolsas de estudo Bondalti e Fundação Amélia de Mello

A Bondalti e a Fundação Amélia de Mello, em colaboração com o Instituto Superior Técnico, renovaram a atribuição de bolsas de estudo dirigidas a alunos com mérito académico e carência de recursos materiais.

A cerimónia de assinatura dos contratos com os bolseiros decorreu no dia 26 de fevereiro, no Instituto Superior Técnico, e contou com a presença de Luís Wissmann, diretor de Recursos Humanos da Bondalti, e de Jorge Quintas, diretor da Fundação Amélia de Mello. O IST fez-se representar por Alexandre Francisco, vice-presidente para a Área Académica.

 

Diogo Gabriel da Silva Bento, a realizar o Mestrado Integrado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, viu renovada a bolsa que lhe tinha sido atribuída no ano letivo anterior. As novas bolsas para este ano letivo de 2019/2020 foram atribuídas a Tiago André Ferreira, Maria Alves Pedrosa (ambos do curso de Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica) e João Dinis Ribeiro Machado de Carvalho Álvares (Mestrado Integrado em Engenharia Física Tecnológica).