Concluída a remediação ambiental da Vala de S. Filipe

O ERASE – Agrupamento para a Regeneração Ambiental dos Solos de Estarreja, A.C.E., no qual a Bondalti está representada, assinalou a conclusão da empreitada de remediação ambiental da vala hidráulica de S. Filipe, na União de Freguesias de Beduído e Veiros, que constituiu a Fase II do Projeto Erase.

O Projeto Erase, iniciado em 1998, teve por objetivo reduzir o passivo ambiental relacionado com os resíduos industriais depositados há décadas no Complexo Químico de Estarreja (CQE), suspendendo a contaminação dos solos e águas subterrâneas e recuperando ambientalmente as zonas envolventes.

 

Até 1975, a Vala de S. Filipe recebeu descargas de efluentes líquidos industriais do CQE. Agora, a operação de remediação implicou a remoção de sedimentos e solos contaminados e o seu total empedramento, com barreiras de contenção em troncos de madeira e, ainda, a remoção e reposição de novas terras nas faixas laterais dos prédios rústicos que a marginam.

 

A remediação ambiental da vala de S. Filipe veio complementar a Fase I do Projeto Erase, concluída em 2005, em que 300 mil toneladas de resíduos industriais e solos contaminados foram removidas do ambiente e colocadas na Estrutura de Confinamento, interrompendo definitivamente a contaminação dos solos proveniente de 50 anos de atividade da indústria química pesada.

Este site utiliza cookies da Google para disponibilizar os respetivos serviços e para analisar o tráfego. O seu endereço IP e agente do utilizador são partilhados com a Google, bem como o desempenho e a métrica de segurança, para assegurar a qualidade do serviço, gerar as estatísticas de utilização e detetar e resolver abusos de endereço.